O Dracma da Grécia Antiga


O Dracma da Grécia Antiga foi um dos sistemas monetários mais influentes da antiguidade. Essa moeda é citada até mesmo na Bíblia e no Alcorão! Conheça de maneira mais profunda a história do Dracma:

Dracma da Grécia Antiga

 

🔸 A ORIGEM DO TERMO “DRACMA”

 

A palavra Dracma vem do verbo grego “drássomai”, que significa “eu seguro” ou “eu pego”, podendo também se referir à palavra “punhado” ou “quantidade que cabe na mão”.

 

Por isso, acredita-se que a palavra Dracma se referia originalmente a um “punhado de 6 obols”. Obol era uma barra de metal que servia como uma moeda primitiva. Seis obols era a quantidade máxima que cabia na mão de uma pessoa.

 

 

 

🔸 O SISTEMA DE VALORES DAS MOEDAS

 

Segundo o padrão de Atenas, o Dracma era uma moeda feita de prata, pesando aproximadamente 4,3 gramas. Para criar outros valores de moedas, multiplicava-se ou dividia-se a quantidade de prata do Dracma. Por exemplo:

 

OUTRAS MOEDAS

VALOR EM DRACMA PESO EM PRATA

Dekadracma

10 Dracmas

43g

Tetradracma

4 Dracmas

17,2g

Diadracma

2 Dracmas

8,6g

Dracma

4,3g

Triobol

1/2 Dracma

2,15g

Obol 1/6 Dracma

0,72g

 

 

🔸 QUANTOS DRACMAS UMA PESSOA GASTAVA POR DIA?

 

Muitos relatos antigos apontam que o salário diário da maior parte dos cidadãos gregos era de 1/2 Dracma. Segundo o historiador George Grote, esse salário diário permitia “uma subsistência confortável para um cidadão pobre” no ano de 335 a.C.

 

 

 

🔸 OS SÍMBOLOS REPRESENTADOS NAS MOEDAS GREGAS

 

Os símbolos cunhados sobre o Dracma em geral prestavam homenagem aos heróis, deuses ou animais sagrados da mitologia. Cada cidade-estado da Grécia Antiga possuía independência e autonomia na cunhagem de suas moedas, por isso, existe uma grande variedade de emblemas sobre os dracmas.

 

Veja abaixo os principais símbolos que cada cidade ou região costumava imprimir sobre suas moedas:

 

CIDADE OU REGIÃO

EMBLEMA PREFERIDO

Acaia

Cabra

Atenas

Coruja (referência à deusa Atena)

Cnido

Afrodite

Córcira

Vaca

Corinto

Pégaso alado

Cíclades

Ânfora, cachos de uva

Delfos

Golfinho (referência ao deus Apolo)

Egina

Tartaruga

Éfeso

Busto de cervo

Lídia

Cabeça de leão de perfil

Macedônia

Bode

Mileto

Leão deitado

Náxos

Dionísio

Focéia

Foca

Pesto

Poseidon e seu tridente

Rodes

Rosa; touro

Siracusa

Quadriga (carruagem com quatro cavalos)

Tarento

Apolo ajoelhado; Taras (filho de Poseidon) sobre um golfinho.

Tessália

Cavalo; touro

 

Vale a pena lembrar que a representação de pessoas sobre as moedas (como reis e imperadores) é popularizada apenas mais tarde, durante o final do período republicano da Roma Antiga.

 

 

 

🔸 COMO O DRACMA DA GRÉCIA ANTIGA ERA PRODUZIDO?

 

É difícil saber com precisão exata quais eram as técnicas de cunhagem de mais de 2 mil anos atrás. Por isso, o Instituto de Arte de Chicago recriou a produção das moedas da Grécia Antiga. Esse estudo aponta três principais etapas na cunhagem:

 

1.ª ETAPA – O Molde

Uma mistura de argila com areia serve para produzir um molde resistente a altas temperaturas. Várias cavidades iguais são feitas no molde.

 

2.ª ETAPA – As Moedas “Virgens”

O metal fundido é colocado dentro dessas cavidades, com a intenção de produzir peças com o mesmo peso e tamanho.

 

3.ª ETAPA – A Impressão das Imagens

Dois moldes de metal comprimem as peças “virgens” através de um golpe de martelo. Assim as peças recebem a impressão de duas imagens em alto relevo (uma no anverso, outra no reverso).

 

 

 

🔹 DRACMAS E OUTRAS MOEDAS DA GRÉCIA ANTIGA À VENDA

 

Quer ver de perto um dracma da Grécia Antiga? Na ➡️ nossa loja online você encontra uma extensa coleção de moedas da Grécia Antiga. Todas as peças são originais e estão à venda. Confira!


O QUE VOCÊ ACHOU DESSE ARTIGO?

Deixe o seu comentário, dúvida ou sugestão! Assim a gente melhora ainda mais o nosso conteúdo. Afinal, o conhecimento se faz em conjunto 😀
Obs.: o seu e-mail não será divulgado.

4 × um =

« voltar topo ↑