Átila, o Huno, e seu papel na Queda de Roma


Átila, o Huno, é um dos conquistadores e guerreiros mais famosos da História. Ele governou uma grande confederação nômade conhecida como Hunos, que fazia parte de um grande império centrado nas vastas planícies da Europa central e incluía boa parte da moderna Ucrânia.

O nome de Átila está associado aos últimos dias do Império Romano ocidental e é amplamente reconhecido que ele desempenhou um papel significativo na queda de Roma!

Você também pode achar interessante saber:

➡️ Tudo sobre a guarda pretoriana romana

➡️ A derrota romana na Batalha de Edessa

➡️ Conheça o trágico mito de Apolo e Dafne

Saiba tudo sobre o papel de Átila, o Huno na queda de Roma!

A infância e ascensão de Átila

Os hunos eram uma tribo nômade da Ásia Central que os estudiosos acreditam ter começado a entrar na Europa por volta do século II d.C.

Átila nasceu ao norte do rio Danúbio, em algum momento do início do século V d.C. Embora os romanos considerassem os hunos bárbaros, a educação de Átila estava longe de ser o caso brutal que se poderia esperar!

Afinal, Átila e seu irmão mais velho, Bleda, nasceram na família mais poderosa do Império Huno. Durante a década de 420 e início de 430, seus tios, Octar e Ruga, governavam o Império Huno.

Átila e Bleda aprenderam arco e flecha, luta com espada e uso de laço, montar e cuidar de cavalos e táticas militares e diplomáticas. Os irmãos também falavam, e possivelmente, liam gótico e latim!

Eles herdaram o poder depois que os tios morreram em 434. O império herdado se estendia da região do Reno até as fronteiras do Irã sassânida no Cáucaso. Em 445, Átila se tornou o único governante do Império Huno após a morte de seu irmão. Estudiosos acreditam que Átila mandou assassinar Bleda!

Átila, o Huno: o flagelo de Deus

Átila, rei dos Hunos representado no Museu da Hungria.
Representação de Átila em Museu da Hungria.

Átila se tornou o assunto de muitas lendas terríveis, que eclipsaram a verdadeira identidade do próprio homem. Talvez a história mais icônica sobre Átila venha de um conto medieval, em que ele encontra o homem santo cristão, São Lúpus. De acordo com a narrativa, Átila se apresentou ao servo de Deus dizendo: “Eu sou Átila, o Flagelo de Deus”, e o título ficou desde então.

As fontes antigas são mais generosas em relação ao seu ego. De acordo com um diplomata romano, Prisco, que conheceu Átila pessoalmente, o grande líder Huno era um homem pequeno, extremamente confiante e carismático que, apesar de sua grande riqueza, vivia com muita frugalidade, optando por se vestir e agir como um nômade simples.

Mesmo Átila sendo a principal pessoa que vem à cabeça quando as pessoas pensam nos hunos, ele realmente fez menos incursões do que geralmente se acredita. Ele deveria ser conhecido, antes de mais nada, por extorquir o Império Romano por cada centavo que pudesse obter!

Império Huno contra os Romanos

Naquela época os romanos estavam apavorados com os hunos – e tinham muitos outros problemas para lidar. Então Átila sabia que tinha que fazer muito pouco para que os romanos se curvassem para ele!

Ansiosos para ficar fora da linha de fogo, os romanos assinaram o Tratado de Margo em 435, que garantia aos hunos tributos regulares de ouro em troca da paz.

Átila frequentemente quebrava o tratado, fazendo incursões no território romano e saqueando cidades. E ele se tornava fantasticamente rico às custas dos romanos, que continuavam escrevendo novos tratados na tentativa de evitar uma luta contra ele por completo.

No início de seu governo, Átila aliou-se a Aécio, general do imperador romano ocidental Valentiniano III. De 436 a 437, Átila e Aécio destruíram o reino da Borgonha da Polônia moderna.

Sólido de ouro do imperador romano Valentiniano III.
Anverso: busto do imperador romano ocidental Valentiniano III. Reverso: Valentiniano de frente, pé sobre a cabeça de cobra, segurando cruz longa e Vitória no globo. Sólido de ouro cunhado em Ravena (capital do império ocidental na época) entre 430-455 d.C.

Átila continuou oferecendo apoio militar a Aécio, permitindo que os romanos esmagassem as ameaças de revoltas internas e de várias tribos germânicas (francos, visigodos e borgonheses).

Entretanto, em 447, Átila lançou sua maior guerra contra o Império Romano do Oriente. Átila dizimou os exércitos romanos no rio Uto (embora ele mesmo tenha sofrido grandes perdas) e depois em Quersoneso, na península de Galípoli.

Ele e seus hunos saquearam mais de 70 cidades nos Bálcãs e entraram na Grécia, mas foram parados nas Termópilas. O que levou a mais uma negociação de tratado de paz com duras penalidades para os romanos.

O Império Huno estava agora no auge de seu poder e alcance, com Átila governando a Cítia, a Germânia e a Escandinávia (conhecidas como as Ilhas do Oceano).

Até então, Átila tinha uma boa relação com o Império Romano Ocidental, em parte graças ao seu relacionamento com o general Aécio. Isso mudou em 450, quando a princesa Honória, irmã do imperador romano ocidental Valentiniano III, apelou a Átila por ajuda.

Honória queria escapar de um casamento arranjado com um aristocrata. Ela enviou uma mensagem a Átila, junto com um anel, que o rei dos hunos interpretou como um noivado. Ele reivindicou Honória como sua mais nova noiva (ele já tinha várias até então) e exigiu metade do Império Romano Ocidental como seu dote.

O imperador Valentiniano III recusou, mas Átila, o Huno, não desistia facilmente e começou uma guerra contra o Império Romano do Ocidente (alguns historiadores acreditam que Honória foi simplesmente uma desculpa para invadir o lado ocidental!

Sólido da princesa romana, Honória, "quase noive" de Átila, o Huno.
Sólido raro de Honória cunhado por seu irmão Valetiniano III.

Últimos anos e morte de Átila

Na primavera de 451, Átila lançou um ataque à Gália (França) com 200.000 de seus homens. O exército romano era liderado por seu antigo aliado, general Aécio, que juntou forças com os visigodos e outras tribos “bárbaras” da Gália (francos, borgonheses e alanos).

Os exércitos finalmente entraram em confronto na famosa Batalha nos Campos Cataláunicos (também chamada de Batalha de Châlons). No final, o rei visigodo, Teodorico, morreu e a maior parte do exército romano ocidental foi destruída, mas as forças aliadas contra os hunos se mantiveram firmes.

Átila retirou seu exército de volta para a Europa central. Esse episódio é amplamente considerado a primeira e única derrota de Átila, o Huno no campo de batalha!

Em 453 d.C., Átila morreu na cama – supostamente devido a uma hemorragia nasal causada por uma hemorragia cerebral – após um banquete pesado e bebedeira em sua noite de núpcias com sua última esposa, Ildico.

Qual foi o papel de Átila na queda do Império Romano Ocidental?

A queda do Império Ocidental é geralmente datada de 476 d.C., quando um guerreiro hérulo, Odoacro, depôs o último imperador romano, uma geração inteira após a invasão da Itália por Átila. No entanto, o rei Huno desempenhou um papel muito importante no declínio e queda final do Império Romano Ocidental!

Pintura retratando a morte de Átila, o Huno.
A morte de Átila, pintura de Paczka Ferenc.

As demandas financeiras dos hunos resultaram em uma série de crises fiscais para o imperador romano. Isso gerou implicações para o Império Ocidental, que estava em sério declínio econômico, ao contrário da seção oriental do Império. Isso e a escala da devastação causada pelos ataques de Átila resultaram em uma crescente crise econômica por volta de 450 d.C.

O exército romano não tinha mais condições de contratar mercenários para defender o estado de outras tribos bárbaras. Assim, a crise econômica, em parte atribuída a Átila, o Huno, foi crucial para minar a capacidade do Estado romano de se defender e proteger suas províncias periféricas.

➡️ A Queda do Império Romano – E-book grátis

A Jafet Numismática é uma loja online especializada em moedas antigas clássicas! Temos um vasto acervo de peças de diversas civilizações para sua coleção. Todas as moedas possuem certificado de autenticidade (sem custo adicional!) e Frete Grátis para o Brasil inteiro!

➡️ Quero conferir as moedas antigas disponíveis


Confira nossas moedas disponíveis

O QUE VOCÊ ACHOU DESSE ARTIGO?

Deixe o seu comentário, dúvida ou sugestão! Assim a gente melhora ainda mais o nosso conteúdo. Afinal, o conhecimento se faz em conjunto 😀
Obs.: o seu e-mail não será divulgado.

dois + um =

« voltar topo ↑