Coruja de Atena: a evolução do Tetradracma Ateniense


Os tetradracmas de Atenas são uma das séries mais populares entre os colecionadores de moedas antigas. Conhecidas por trazerem a bela coruja de Atena (deusa da sabedoria) e a própria deusa gravadas, essas peças foram cunhadas durante muitos séculos, com poucas interrupções, de 512 a 50 a.C.!

Ao longo dos anos, a espessura e o diâmetro do disco da moeda, assim como o alívio do corte e vinco mudaram. O peso do tetradracma também evoluiu junto com as fortunas da cidade de Atenas.

Estilisticamente, as peças são divididas em três épocas principais – cuja datação exata permanece em discussão entre os estudiosos da área. Continue a leitura e confira como foi a evolução dessas moedas ao longo de todos esses anos!

Você também pode gostar de ler:

➡️ Os três períodos da numismática grega

➡️ A deusa Atena nas moedas antigas gregas

➡️ As moedas refinadas do Período Clássico Grego

Confira a evolução do tetradracma ateniense com a figura da coruja de Atena.

A Coruja de Atena de Estilo Arcaico

A primeira era dessas moedas começou a ser lançada por volta de 512 a.C. – durante o período arcaico da Grécia Antiga – e continuou até o início do século V a.C. São peças caracterizadas por seus discos grossos e um estilo bruto – mas visualmente impressionante!

Nesses modelos, a deusa Atena aparece no anverso com seu capacete com crista e um busto mal executado. A coruja de Atena no reverso também é marcada por características quase caricaturais (tanto na aparência quanto na proporção).

Coruja de Atena de estilo arcaico.

➡️ Conheça outras moedas da deusa Atena
(Blog da Jafet Numismática)

A moeda acima, datada de 500 a 480 a.C., apresenta os olhos da deusa Atena voltados diretamente para o espectador, uma característica que mudaria ao longo dos anos. A coruja de Atena também é desajeitada e a postura e proporções parecem antinaturais.

O Tetradracma Ateniense de Estilo Clássico

O estilo dos retratos de Atena e sua coruja começaram a mudar visivelmente por volta de 470 a 450 a.C., quando foram cunhados modelos “transitórios”. Por volta de 450 a.C., os tetradracmas atenienses entraram numa nova era (no início do período clássico grego).

A coruja e a deusa Atena ganharam qualidades mais consistentes e reais até por volta de 404 a.C., quando a cidade de Atenas foi derrotada na Guerra do Peloponeso.

Moeda antiga de Atenas com a coruja de Atena no reverso.

➡️ Veja os tetradracmas com a Coruja de Atenas disponíveis à venda
(Loja Online Jafet Numismática)

A peça acima, cunhada entre 440 a 420 a.C., é o clássico tetradracma ateniense. É uma moeda altamente refinada em estilo e bem executada, sendo também um excelente exemplo da arte grega desse período!

A Coruja de Atena de Estilo Helenístico

A terceira da série dos tetradracmas com a coruja de Atena é datada de, aproximadamente, 393 a 294 a.C. As peças cunhadas durante essa época refletem a transição entre o período clássico para o helenístico.

A deusa ganha características ainda mais humanas seguindo o padrão das representações da forma humana na arte grega do período helenístico. Seu olho passa a ser retratado em perfil, em vez de encarar o espectador. O disco da moeda também se torna mais compacto e a coruja tem uma cabeça maior e proporções ligeiramente diferentes.

Tetradracma com a coruja de Atena de estilo helenístico.

➡️ Conheça o Período Helenístico Grego
(Blog Jafet Numismática)

A moeda acima, produzida entre 350 e 294 a.C., exibe todas essas características. No século III a.C. a produção dos tetradracmas começou a diminuir. Por volta de 229 a.C. a cidade de Atenas havia perdido sua autonomia para a Macedônia e, no final do século III a.C. ficou sob domínio de Roma.

Assim, os estudiosos especulam que a última série original do tetradracma ateniense tenha desaparecido por volta de 200 a.C.!

Novo estilo do tetradracma ateniense

Em algum momento do século II a.C., os chamados tetradracmas atenienses de “novo estilo” começaram a aparecer. Essas moedas apresentavam um afastamento dos estilos arcaico, clássico e helenístico dos séculos anteriores.

O disco dessas peças se tornou mais amplo e fino com o relevo muito mais baixo. As características e proporções de Atena e sua coruja se tornaram ainda mais fiéis à forma humana do que nunca. Além disso, o capacete da deusa apareceu muito mais elaborado contendo três cristas. O reverso com o desenho da coruja foi ainda mais alterado do que o anverso:

Tetradracma de novo estilo com a coruja de Atena.

➡️ Conheça os tetradracmas disponíveis na nossa Loja Online

A peça acima, cunhada entre 165 e 50 a.C. é um modelo típico dessa série como um todo. A cidade de Atenas (“AOE”) ainda é indicada no reverso (na primeira linha de texto). Mas a moeda também apresenta linhas de texto e símbolos indicando o magistrado ou financiadores responsáveis pela emissão de moeda na cidade.

Também vale mencionar que o padrão de peso do tetradracma havia sido reduzido. Enquanto os “velhos” tetradracmas atenienses pesavam cerca de 17 g, os “novos” passaram a pesar cerca de 16,25 g.

Os estudiosos acreditam que as últimas peças do tetradracma ateniense com a coruja de Atena foram cunhadas em algum momento da metade do século I a.C.

Onde Comprar Moedas Antigas da Grécia?

Quer conhecer novas peças gregas para sua coleção? Aqui na nossa Loja Online você encontra moedas com certificado de autenticidade LIFETIME e FRETE GRÁTIS para todo o Brasil!

➡️ QUERO CONHECER AS MOEDAS GREGAS DISPONÍVEIS À VENDA


O QUE VOCÊ ACHOU DESSE ARTIGO?

Deixe o seu comentário, dúvida ou sugestão! Assim a gente melhora ainda mais o nosso conteúdo. Afinal, o conhecimento se faz em conjunto 😀
Obs.: o seu e-mail não será divulgado.

catorze − 11 =

« voltar topo ↑