Moedas Comemorativas dos Jogos Seculares do Império Romano


Os jogos seculares representavam um importante feriado religioso para os antigos romanos. Era um raro festival de três dias de teatro e sacrifício ritualístico, projetado para ocorrer a cada 110 anos (embora nem sempre acontecesse nesse intervalo de tempo).

Esse período de tempo (saeculum, em latim) era considerado o maior tempo de vida humano possível. Assim, a ideia era de que ninguém poderia ver dois conjuntos desses jogos na vida!

Continue a leitura e confira as moedas comemorativas dos jogos seculares cunhadas pelos imperadores romanos ao longo do tempo.

Você também pode se interessar:

➡️ A evolução do Tetradradcma Ateniense

➡️ Guerras Púnicas e o Shekel de Cartago

➡️ Moedas das Viagens do Imperador Adriano

As moedas dos jogos seculares do Império  Romano.

Jogos Seculares de Augusto

Os jogos seculares remontam ao período histórico do início da República Romana. Eles foram realizados esporadicamente por séculos até serem revividos e inovados pelo primeiro imperador romano, Augusto (27 a.C. – 14 d.C.), em 17 a.C.

➡️ Veja as moedas de Augusto, o imperador da época de Jesus
(Blog da Jafet Numismática)

As festividades foram comemoradas por Augusto no raro denário de prata abaixo, cunhado durante o ano dos jogos. O anverso apresenta um retrato de Júlio César deificado. Já no reverso, traz um arauto dos jogos, segurando um caduceu e um escudo. A inscrição “AVGVST DIVI F LVDOS SAE” refere-se diretamente aos jogos:

Moeda dos jogos seculares realizados pelo imperador romano Augusto.

➡️ Confira as moedas de Augusto disponíveis à venda
(Loja Online)

Os jogos seculares também foram realizados durante o governo de Cláudio (41-54 d.C.), em 47/48 d.C., celebrando o 800º aniversário da fundação de Roma (data fixada em 21 de abril de 753 a.C. no calendário romano). Esses jogos quebraram o ciclo de 110 anos estabelecido por Augusto.

Jogos Seculares de Domiciano

Depois, a festividade foi celebrada durante o reinado de Domiciano (81-96 d.C.), em 88 d.C. Tecnicamente 105 anos após os jogos de Augusto e apenas 40 anos após o festival de Cláudio, ilustrando a inconsistência cronológica da celebração dos jogos.

Leia depois o e-book GRÁTIS: ➡️ As moedas da Dinastia Flaviana

Dupôndio de bronze do imperador Domiciano em celebração dos jogos seculares.
Dupôndio de bronze que traz o imperador Domiciano no anverso.

➡️ Veja as moedas de Domiciano disponíveis à venda
(Loja Online)

Além de moedas de bronze como o dupôndio acima, também foram cunhados por Domiciano denários de prata e áureos de ouro para comemorar a celebração.

A celebração do 900º aniversário de Roma

Os próximos jogos seculares seguiram o ciclo do século de Cláudio e comemoraram o 900º aniversário de Roma. Antonino Pio foi o imperador que sediou o evento no ano de 148 d.C.

E-book GRÁTIS: ➡️ As moedas da Dinastia Nerva-Antonina

Denário de prata romano comemorando os jogos seculares e o aniversário de Roma.
Denário de prata cunhado em 140 d.C. apresenta Antonino Pio no anverso. No reverso, traz a loba com os gêmeos, Rômulo e Remo, representando o mito da fundação de Roma.

O imperador cunhou moedas comemorativas para celebrar o aniversário da fundação de Roma ao longo dos anos 140 d.C., antes do evento dos jogos em 148 d.C. (A moeda acima ilustra isso).

➡️ Confira outras moedas de Antonino Pio – Loja Online

Jogos Seculares de Sétimo Severo – Restauração do ciclo

O festival seguinte foi realizado em 204 d.C., durante o governo de Sétimo Severo (193-211 d.C.), restaurando o ciclo de 110 anos estabelecido por Augusto em 17 a.C.

E-book GRÁTIS: ➡️ As moedas da Dinastia Severa

O áureo extremamente raro abaixo, cunhado no ano dos jogos, exibe o busto do imperador no anverso. No reverso, traz seus dois filhos e futuros imperadores, Caracala (como Hércules) e Geta (como Baco):

Moeda comemorativa dos jogos seculares realizados por Sétimo Severo.

➡️ Confira as moedas de Sétimo Severo do nosso acervo – Loja Online

Jogos Seculares de Filipe I (248 d.C.)

Em 248 d.C., Filipe I (244-249 d.C.) celebrou os jogos seculares de maneira espetacular. Para comemorar os 1000 anos da fundação de Roma, segundo relatos antigos, as festividades incluíram matança de cerca de mil gladiadores e centenas de animais exóticos (inclusive hipopótamos e um rinoceronte).

➡️ Coliseu: o espetáculo dos Gladiadores – Blog Jafet Numismática

Além disso, foi durante esse evento que o imperador elevou seu filho, Filipe II (247-249 d.C.), ao posto de co-Augusto. As moedas comemorativas de bronze e prata datadas dessa época apresentavam uma série de animais exóticos nos reversos. Veja o sestércio abaixo:

Moeda dos jogos seculares de Felipe I.
Filipe I representado no anverso e um elefante no reverso.

➡️ O elefante nas moedas antigas – Blog Jafet Numismática

Fim dos Jogos Seculares

Mais tarde, imperadores como Galiano (253-268 d.C.) e Maximiano (286-305 d.C.) realizaram os jogos seculares em 260 e 294 d.C., respectivamente. No século IV d.C., o festival de influência pagã foi perdendo sua importância à medida que o cristianismo se fortificava no império.

Os últimos jogos seculares foram realizados em 404 d.C., por decreto especial de Honório (405-423 d.C.), para apaziguar facções pagãs após uma importante vitória militar.

Onde comprar moedas do Império Romano?

Na loja online Jafet Numismática você encontra peças autênticas cunhadas no Império Romano com certificado de autenticidade LIFETIME e FRETE GRÁTIS para todo o Brasil!

➡️ QUERO CONFERIR AS MOEDAS ROMANAS ANTIGAS


Confira nossas moedas disponíveis

O QUE VOCÊ ACHOU DESSE ARTIGO?

Deixe o seu comentário, dúvida ou sugestão! Assim a gente melhora ainda mais o nosso conteúdo. Afinal, o conhecimento se faz em conjunto 😀
Obs.: o seu e-mail não será divulgado.

quatro × 5 =

« voltar topo ↑